Skip to content

Publicado por Grupo SERES

Você sabe como funciona a utilização de inteligência artificial nos processos seletivos?

inteligência artificial no rh

Cerca de 70% do processo de recrutamento de um profissional para determinada vaga refere-se à análise de perfil dos candidatos, que se inicia com a avaliação de currículos. Quando esta seleção é realizada manualmente pela equipe de RH, o trabalho demanda mais tempo e maior utilização de recursos profissionais, em escala crescente conforme a competitividade da vaga. Por outro lado, a aplicação de soluções relacionadas à inteligência artificial (IA) traz celeridade à fase inicial do processo. Mas como funciona a utilização da IA nos processos seletivos?

Automação é a palavra-chave. Por meio de algoritmos de softwares específicos, as informações contidas nos currículos dos profissionais são cruzadas com as exigências da vaga e da empresa contratante. O sistema pode, ainda, realizar testes de habilidades ou mesmo indicar perguntas que possam revelar mais dados importantes para se conhecer os candidatos.

Resumidamente, esses algoritmos funcionam como uma série de regras – uma “receita” – que permite a realização de uma tarefa e/ou solução de um problema em uma plataforma digital. A inteligência artificial, independente da área de aplicação, busca padrões relevantes para a ação para a qual foi determinada. No caso do recrutamento de funcionários, o programa executa a triagem de acordo com os requisitos da vaga e ranqueia os melhores. Desta forma, garante-se que somente os profissionais indicados para determinado cargo consigam chegar ao final do processo, em uma entrevista presencial.

É importante destacar que a tecnologia implantada é responsável apenas por parte do processo e a relevância do contato pessoal não é colocada em questão. Dificilmente, inclusive, esta chegará ao ponto de substituir o encontro e a conversa entre candidato e um representante da empresa. A ideia da IA, na verdade, é dar agilidade aos processos iniciais, oferecendo uma classificação qualificada e assertiva, além de contribuir com a retenção de talentos.

Para os candidatos, a inserção deste novo método no recrutamento e seleção oferece diferentes benefícios. Um deles, ou o principal, é permitir que os próprios profissionais façam a busca pelas vagas e as organizações que mais combinam com seus perfis e objetivos de carreira. No lugar de visitar inúmeras empresas com currículos impressos, hoje é possível encontrar a maior parte das oportunidades online e cadastrar currículos de forma mais dinâmica e personalizada.

Fontes:

Gupy Blog

Empresas do Grupo