Skip to content

Publicado por Grupo SERES

Por que é importante dar feedback do processo seletivo?


Gestores estão em constante aperfeiçoamento dos processos de recrutamento e seleção, sempre com o objetivo de realizar contratações cada vez mais assertivas. No entanto, mesmo com métodos mais dinâmicos e modernos, a maioria das empresas continua pecando na última etapa: o momento de dar feedback do processo seletivo a todos os candidatos, não só aos que foram aprovados.

Qualquer processo seletivo gera expectativas. Seja para o candidato, que está em busca de uma oportunidade, ou mesmo para empresa à procura de um profissional que atenda aos seus requisitos. Durante o processo, esse sentimento é mútuo, mas pode se tornar um problema somente dos concorrentes à vaga, caso a empresa ignore a necessidade de comunicação a quem foi desclassificado. E, atualmente, esta é uma das maiores queixas de quem está em busca de emprego.

Dar retorno a todos os candidatos demanda tempo, especialmente quando as equipes são enxutas. Ainda assim, existem razões muito importantes para fazê-lo. Listamos as principais abaixo:

– Respeito ao candidato e consequente avaliação positiva da empresa: durante o processo seletivo, não é apenas o candidato que está sendo avaliado. Ele mesmo também está analisando o ambiente, a postura do gestor, os recursos disponíveis, entre outros aspectos. Se existe respeito e comprometimento em dar retorno sobre o recrutamento, isso impacta diretamente em sua percepção sobre a empresa. E na era das redes sociais, a boa ou má impressão sobre uma instituição pode se espalhar rapidamente.

– Oportunidade de crescimento ao candidato: é muito provável que o profissional tenha dedicado algum tempo e preparo para participar das etapas da seleção. Isso deve ser considerado. Uma resposta ressaltando os pontos positivos e os que devem ser melhorados é construtivo para sua carreira e para direcionar o aprendizado.

– Os candidatos podem se tornar clientes/parceiros: mesmo que não seja aceito como funcionário, o candidato se sente valorizado ao receber o feedback. Amanhã ele poderá estar em posição de cliente, parceiro ou até concorrente, e passará uma boa imagem da empresa adiante.

 

Como dar um feedback negativo?

Apesar do desconforto com a situação, alguns aspectos podem ser levados em consideração pelo recrutador para facilitar este contato:

– Seja pessoal: você está lidando com outro ser humano, por isso evite ser genérico. É mais interessante optar pelo contato por telefone, mas o e-mail também funciona. Procure fazer considerações pessoais, listando pontos positivos e negativos da participação. Mais uma vez: deixe claro o motivo da reprovação, mas seja positivo.

– Seja breve, mas cuidadoso: comunique a decisão da empresa, explique os motivos e agradeça pela participação do candidato. Evite estender ou desviar o assunto, mas com cautela para não parecer desinteressado no que a pessoa talvez tenha a dizer.

– Não demore a entrar em contato: é válido estipular um prazo. E é fundamental que este prazo seja cumprido. Essa atitude demonstra comprometimento e consideração por parte da empresa.

 

Candidatos também podem entrar em contato

Como dito acima, o retorno do desempenho em um processo seletivo pode servir de termômetro sobre o que é preciso melhorar profissional ou pessoalmente. Diante disto, se a empresa não entrar em contato, é válido pedir um feedback.

Para não parecer apressado ou insistente, peça antes uma previsão sobre a data do fim da seleção e só entre em contato ao final deste prazo. Caso não seja informada uma data, é válido esperar de uma a duas semanas. A solicitação de uma resposta deve ser feita de uma forma leve, sem demonstrar desespero.

Em caso negativo, não é recomendado que o candidato questione a decisão ou tente justificar o seu desempenho. No entanto, é plausível perguntar os motivos concretos da eliminação.

Vale frisar que a comunicação entre empresa e candidato, do início ao final do processo de recrutamento, deve ser sempre baseada na educação, prezando pela gentileza e cordialidade. Desta forma, mesmo em caso de não aprovação, é possível manter uma boa relação para outras oportunidades.

Tem dúvidas sobre esse assunto? Entre em contato!

 

Empresas do Grupo