Skip to content

Publicado por Grupo SERES

Terceirização: vantagens e desvantagens

Terceirização de funcionários: vantagens e desvantagens

Com as mudanças trabalhistas ocorridas nos últimos tempos, uma previsão se faz presente entre gestores: a contratação de mão de obra terceirizada ou temporária. Isso se deve aos incentivos políticos e legais que facilitam o aproveitamento desses tipos de força de trabalho. Mas será que vale a pena ter colaboradores contratados dessa forma? Será que o rendimento de um trabalhador terceirizado ou temporário se assemelha ao de um funcionário com contrato CLT? Essa é uma pergunta comum e mostraremos sua resposta neste texto.

Tradicionalmente, as contratações de terceirizados e temporários no Brasil focavam em setores como limpeza, manutenção, recursos humanos, tecnologia e vendas. Mas, com a aprovação da contratação de terceirizados para trabalhos-fim devido à Lei da Terceirização e a inclusão legal da contratação temporária na Reforma Trabalhista, este cenário pode mudar. Assim, funcionários contratados nestes modelos devem ganhar mais espaço nas empresas, o que nos remete a uma questão antiga: engajamento. Este engajamento, ou adaptação à empresa, pode proporcionar experiências positivas ou negativas, de acordo com a fluidez do processo de incorporação ao ambiente laboral.

Experiência positiva

Quando o funcionário terceirizado ou temporário tem uma boa adaptação ao ambiente de trabalho, ele se demonstra mais motivado em realizar suas funções, o que aumenta seu rendimento e, consequentemente, favorece a produtividade do negócio. Em certos casos, o funcionário se destaca tanto, que a empresa contratante do serviço terceirizado ou temporário pode propor sua efetivação.

Experiência negativa

Em alguns casos, o empregado terceirizado ou temporário se sente deslocado no ambiente de trabalho, sem pertencer à equipe. Isso ocorre quando existe a recorrência de um tratamento diferenciado entre os contratados CLT e os demais funcionários de uma empresa. E esta falta de entrosamento gera insatisfação, o que pode refletir diretamente no desempenho daquele funcionário. Para tentar resolver este problema, é aconselhável que os gestores conversem com os funcionários terceirizados ou temporários no intuito de conscientizá-los sobre a importância deles para a empresa. Também é aconselhado negociar, com a empresa terceirizada, benefícios ou bonificações para os funcionários destaques, como uma medida de motivação e reconhecimento do trabalho realizado.

Não há como prever se o rendimento de um funcionário terceirizado ou temporário será satisfatório, mas sabemos que seu engajamento está intimamente ligado à sua adaptação e satisfação em desempenhar seu trabalho nas condições propostas. Portanto, criar e manter um ambiente de trabalho agradável e profissional é extremamente importante nesta questão.

Se você quiser saber mais informações quanto às novas formas de contratação de funcionários para a sua empresa, entre em contato conosco. A SERES tem expertise em questões trabalhistas e oferece as melhores soluções de RH para diferentes negócios.

 

Fontes:

LUME_UFRGS

Fecomercio

 

Empresas do Grupo