Análise Preditiva: por que implantar no RH da sua empresa?

Podemos definir resumidamente análise preditiva como a possibilidade de prever o futuro e também como a ideia de prever padrões do que podem ocorrer com a sua empresa. Através da tecnologia, que permite um exame profundo dos dados, também é possível entender as próximas tendências do mercado.

Na área de vendas, por exemplo, esta análise pode indicar os tipos e perfis de clientes mais propensos a fechar negócios; os produtos que estarão em alta; a aceitação das campanhas. Em relação às movimentações financeiras, é possível estudar e comparar os mercados com melhor retorno, níveis de aceitação de determinadas estratégias etc. Há várias formas de entender o seu negócio e “prever” como ele será no futuro.

E, se essa ferramenta traz tantos benefícios, por que não usá-la para prever também padrões de comportamento e ajudar a área de Recursos Humanos da sua empresa?

 

Como a análise preditiva funciona no RH

A análise preditiva está completamente ligada ao RH moderno. Esse mecanismo torna a rotina da área mais dinâmica e fácil, e também a valoriza.

Mas é preciso entender que há diferentes tipos de dados a serem armazenados e estudados. Tudo vai depender do tipo de previsão que a empresa pretender fazer e o tipo de software utilizado.

 

É possível, por exemplo:

– relacionar as demissões voluntárias no passado a fatores de risco que levem a novas perdas de funcionários;

– prever demissões com base em abertura de postos de trabalho, atividade em mídias sociais etc;

– reconhecer pontos fortes e fracos na força de trabalho;

– prever quais mudanças de função poderão produzir funcionários de carreira com melhor desempenho;

– começar a entender quais funcionários podem provavelmente atrapalhar a equipe, agir em não-conformidade ou quebrar regras;

– medir o turnover ou rotatividade futura;

– recomendar cursos para seus colaboradores, caso desejem se espelhar nas experiências de seus líderes;

– estabelecer fatores de risco relacionados ao pessoal;

– encontrar padrões comportamentais de mais fácil retenção para futuras contratações.

 

Em processos de seleção

Fazer um bom processo de seleção é sempre desafiador. A análise preditiva pode ajudar e trazer contratações cada vez mais alinhadas aos objetivos da empresa, além de agregar ainda mais inteligência nas etapas do processo.

Na divulgação das vagas, por exemplo, é possível identificar, com rapidez, pessoas que tenham potencial para o cargo, considerando o histórico dos candidatos e o da empresa.

Já a triagem de currículos pode ser mais assertiva se eles forem ordenados de acordo com as características que são interessantes para a vaga. Por exemplo, com base nos funcionários da organização. O que define um bom Assistente de Marketing? Sabendo as características principais, os currículos que as possuem ganham importância.

 

Por que ter na sua empresa:

A análise preditiva já está propensa a se tornar um dos conjuntos de recursos mais importantes das plataformas de tecnologia de RH. Enquanto muitas empresas continuam trabalhando para fazer uma “limpeza” de seus dados, vão se destacar as que se ocuparem em criar melhores condições para a coleta desses dados e se dedicarem para avaliá-los de forma eficiente.

O acesso está cada vez mais fácil. A análise preditiva virou uma realidade, por diferentes motivos, mas, provavelmente, o principal é o barateamento, que vem com a democratização da internet, e o maior acesso a grandes capacidades de processamento de dados. Ou seja, hoje, é possível gerir um gigantesco volume de dados e informações computadas a partir de investimentos viáveis.

Com isso, a análise preditiva é uma das armas mais utilizadas pelas grandes empresas, não apenas para constituir equipes fortes, mas principalmente para retê-las – e, a partir disso, fazer com que elas se desenvolvam através dos modelos e previsões geradas.

Saiba mais sobre a importância da retenção de talentos neste post.

 

Referências:

Kenoby

Vagas.com

Solides

RH Portal

RH Portal

Mundo RH

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp